[ editar artigo]

Se temos o Optimal, que fazer com o EFT Tapping?

Se temos o Optimal, que fazer com o EFT Tapping?

Esta é uma pergunta que me fazem recorrentemente. Preciso aprender o Tapping se existe o Optimal? Vou usar o Tapping se existe o Optimal EFT? Para que?

Vou contextualizar para responder. Muitas vezes conversando com Gary tentei mostrar a ele que embora os meridianos  possam mesmo mecanicamente aliviar intensidades psíquicas e físicas, como mostra a acupuntura, num trabalho que se quer terapêutico precisamos ir além do mecânico. E isso de duas formas: pelo lado da consciência do que se passa na nossa interioridade (defesas, impulsos, sabedoria etc.) e pelo lado da espiritualidade que seria aquilo que, partindo de nós, de nossa abertura amorosa, nos transcende.

Embora Gary concordasse de forma geral, ele insistia nos seus vídeos e artigos que para fazer o Tapping o que se precisava era apenas fazer o Tapping para sintomas, para eventos, como se mecanicamente os meridianos pudessem funcionar. Eu me intrigava como ele, que tinha um caminho espiritual forte e intenso desde o início dos anos 80, pudesse colocar a cura nos meridianos. Mas aos poucos ele foi me revelando que sentia que o público não estava preparado para uma cura sem a materialidade do Tapping.

E a partir de um determinado momento, Gary foi introduzindo o Optimal e conscientemente se abrindo para uma cura fortemente baseada na dimensão espiritual, ou Terapeuta Interior. Este está em nós e para além de nós, é puro amor no sentido ontológico do termo. É, como o Espirito Santo, uma mediação entre Deus e nossa interioridade. Gary me confessou que agora sentia que sua audiência estava preparada para receber a notícia de que o lugar da cura é o lugar do amor, ou da dimensão espiritual. E o Tapping? Como fica?

Muito antes do Optimal EFT ser divulgado e ensinado  eu já falava para o Gary que na minha forma de fazer o Tapping eu contava com a ajuda do amor que somos nós e que nos transcende. E isso que para mim fazia a diferença entre o uso mecânico do EFT Tapping e o uso excelente, espiritual, do EFT Tapping.

Desta forma eu recebi o Optimal como a revelação e a explicitação através de um método de algo que já trabalhava ao aplicar o Tapping. A sabedoria interior nossa e do paciente, para mim, precisava estar mobilizada para que uma cura efetiva, consistente e duradoura acontecesse. E  nessa sabedoria está, além do amor, a compreensão do sentido de nossos sintomas, doenças e defesas. Isto tem  a ver muito com minha formação como terapeuta e é o que ensino no curso Percurso Clínico no Atendimento Terapêutico, o que aplico nos meus pacientes e o que ensino nas supervisões. Aliás, todos que quiserem é só se inscreverem comigo que o caminho está aberto. É necessário este treino com supervisão para que nosso olhar compreensivo se desenvolva e se torne um instrumento terapêutico nas mãos do terapeuta. 

De tudo que expus você pode deduzir que tanto o Tapping quanto o Optimal são recursos válidos embora o Gary raramente use o Tapping, mas raramente mesmo! Praticamente abandonou o Tapping porque percebeu que os meridianos, embora verdadeiros, são brinquedos infantis quando comparados ao poder do trabalho do Terapeuta Interior. Ele me ligou hoje para dizer que novamente dissolveu pedra no rim com a ajuda do Terapeuta Interior e basicamente está sem dor. Isso já aconteceu duas vezes com ele. E a dor de pedras nos rins é terrível. Em alguns minutos o Terapeuta Interior fez o trabalho porque Gary mobilizou em si mesmo a abertura amorosa necessária.

Mas, e o Tapping? Jogamos fora? De jeito nenhum! Eu sigo gostando, os pacientes gostam, o Tapping foi divulgado no mundo todo, há realmente um efeito calmante dos meridianos. Mas o que eu diria enfaticamente: o uso do Tapping é muito mais eficiente se a ajuda do Terapeuta Interior for ativada e também a compreensão do sentido do adoecimento do paciente, de suas dores e sintomas.

Há clientes que querem o Tapping com muita força. Temos que entrar no mundo do paciente de alguma forma e usar a abertura que ele nos oferece. Se é o querer o Tapping esta abertura, vamos sim fazer o Tapping, mas da forma como venho explicando aqui. Muitas vezes o paciente está fazendo o Tapping e eu fazendo Optimal e Tapping. Outras vezes fazemos o Tapping antes e o Optimal depois. E vice versa. Mas durante o Tapping minha abertura amorosa segue firme e forte. Quando você não julga, não fica só na mente e se abre em comunidade de destino (vide curso Percurso Clinico) para seu paciente, você ampliou o Tapping para garantir uma excelência no seu uso.

Se alguém ainda tem alguma dúvida sobre se vale a pena usar o Tapping, pergunte! Vale sim! Tudo que eu falei no uso com paciente vale para uso conosco mesmos, OK?

TODAS AS INFORMAÇÕES SOBRE OS CONTEÚDOS E PREÇOS DOS CURSOS DO  EFT OFICIAL ESTÃO AQUI. 

ACADEMIA CLINICA
Sonia Novinsky
Sonia Novinsky Seguir

Psicoterapeuta . Diretora do Centro Gary Craig de Treinamento em EFT Oficial no Brasil. Atendimento on line e presencial. Supervisão em grupo para EFT Oficial ( tapping e Optimal). Práticas grupais de EFT. Contatos pelo whats: 11999941415

Ler matéria completa
Indicados para você